\\ JORNAL DA MANHÃ \ COLUNISTA \ David dos Santos

Faltou conhecimento ao ministro

Publicada em 23/08/2016.

 

Em entrevista concedida ao jornal Valor Econômico sobre as concessões de aeroportos, o ministro dos Transportes Mauricio Quintella, fez declaração deselegante, descabida e depreciativa sobre o Profissional da Contabilidade.  “A gente quer manter a Infraero forte. Não podemos pensar com a cabeça de contador, mas de empreendedor”. 
Ao conceder a declaração, Maurício Quintella demonstra desconhecer o dinamismo, a versatilidade e a importância do Profissional Contábil à economia brasileira e ao crescimento do País. O Contabilista é essencial à saúde das empresas, pois está diretamente envolvido na criação de novos negócios, em seus planejamentos e gestão. A Contabilidade é a linguagem dos negócios e os Contabilistas, cada vez mais, tornam-se indispensáveis às organizações em processos de tomada de decisão. No Profissional da Contabilidade estão concentradas importantes responsabilidades das organizações, dentre as quais as que certificam a transparência e idoneidade das empresas.
Ao sugerir “não pensar com a cabeça de contador, mas de empreendedor”, o titular da pasta demonstra ainda desconhecer o perfil empreendedor dos Profissionais da Contabilidade, já que muitos são os Contabilistas que estão à frente de seus escritórios e firmas, combinando a exigente competência técnica da profissão com o gerenciamento de suas empresas; gerando, ainda, oportunidades de emprego não somente para os pares da Classe, mas também para outras categorias.
A profissão contábil talvez lidere o ranking das profissões que mais são impactadas no dia a dia pelas mudanças provocadas pelas inovações tecnológicas que a cada momento cria novas formas de coletar, guardar e compartilhar informações. Para tanto nossa entidades de classe, Sindicatos, Federacon, CRC tem desenvolvido nos últimos anos uma forte e eficiente programa de Educação Continuada mediante a realização de palestras presenciais ou via web, cursos de curta e média duração.
O Conselho Regional de Contabilidade (CRC/RS), Federação dos Contabilistas e Conselho Federal de Contabilidade e demais entidades da classe contábil em nome dos 400.000 mil profissionais, repudia fortemente essa informação incoerente. 
Como sempre fizemos, continuaremos a contribuir com o nosso trabalho digno e honesto, com nosso espírito empreendedor, para o progresso econômico e social do Brasil.
EICON-ENCONTRO DE INTEGRAÇAO DOS CONTABILISTAS
Antecipando a data do EICON a ser realizado em 23/25 de Setembro em Uruguaiana, neste final de semana foi disputada a modalidade de bolão, na cidade de Santa Maria. Com boas atuações dos colegas, o Sindicato dos Contabilistas de Ijui, obteve o segundo lugar, motivo de grande satisfação dos atletas contábeis.

Em entrevista concedida ao jornal Valor Econômico sobre as concessões de aeroportos, o ministro dos Transportes Mauricio Quintella, fez declaração deselegante, descabida e depreciativa sobre o Profissional da Contabilidade.  “A gente quer manter a Infraero forte. Não podemos pensar com a cabeça de contador, mas de empreendedor”. 

Ao conceder a declaração, Maurício Quintella demonstra desconhecer o dinamismo, a versatilidade e a importância do Profissional Contábil à economia brasileira e ao crescimento do País. O Contabilista é essencial à saúde das empresas, pois está diretamente envolvido na criação de novos negócios, em seus planejamentos e gestão. A Contabilidade é a linguagem dos negócios e os Contabilistas, cada vez mais, tornam-se indispensáveis às organizações em processos de tomada de decisão. No Profissional da Contabilidade estão concentradas importantes responsabilidades das organizações, dentre as quais as que certificam a transparência e idoneidade das empresas.

Ao sugerir “não pensar com a cabeça de contador, mas de empreendedor”, o titular da pasta demonstra ainda desconhecer o perfil empreendedor dos Profissionais da Contabilidade, já que muitos são os Contabilistas que estão à frente de seus escritórios e firmas, combinando a exigente competência técnica da profissão com o gerenciamento de suas empresas; gerando, ainda, oportunidades de emprego não somente para os pares da Classe, mas também para outras categorias.

A profissão contábil talvez lidere o ranking das profissões que mais são impactadas no dia a dia pelas mudanças provocadas pelas inovações tecnológicas que a cada momento cria novas formas de coletar, guardar e compartilhar informações. Para tanto nossa entidades de classe, Sindicatos, Federacon, CRC tem desenvolvido nos últimos anos uma forte e eficiente programa de Educação Continuada mediante a realização de palestras presenciais ou via web, cursos de curta e média duração.

O Conselho Regional de Contabilidade (CRC/RS), Federação dos Contabilistas e Conselho Federal de Contabilidade e demais entidades da classe contábil em nome dos 400.000 mil profissionais, repudia fortemente essa informação incoerente. 

Como sempre fizemos, continuaremos a contribuir com o nosso trabalho digno e honesto, com nosso espírito empreendedor, para o progresso econômico e social do Brasil.

EICON-ENCONTRO DE INTEGRAÇAO DOS CONTABILISTAS

Antecipando a data do EICON a ser realizado em 23/25 de Setembro em Uruguaiana, neste final de semana foi disputada a modalidade de bolão, na cidade de Santa Maria. Com boas atuações dos colegas, o Sindicato dos Contabilistas de Ijui, obteve o segundo lugar, motivo de grande satisfação dos atletas contábeis.